quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Morrer antes de morrer











É hora de morrer antes de morrer,
morrer para esta existência limitada,
controlada pela ideia de que existo separado de ti.

É hora de morrer para a dor de que não sou suficiente,
assim como sou,
sempre em busca por algo mais,
mas que nunca é suficiente.

É hora de morrer para o medo,
que me deturpa os sentidos,
que me faz crer que sou o que não sou,
deixando de ser aquilo que sou,
com medo de que aquilo que sou seja tão mais brilhante,
tão mais intenso,
que seria insuportável para o medo existir,
para os limites me conter.

É hora de morrer essa ideia de fim,
de que tudo acaba,
confinado pelas tábuas de madeira,
ou pelas chamas do existir.

É hora de morrer para a morte,
por forma a que a vida,
possa ser vivida em pleno,
como ela merece ser vivida.



Sem comentários:

Publicar um comentário